24/06/2014 às 09:00:00

Adolescentes cortam mãos e matam patrão a golpes de facão

Redação


Um homem de 49 anos foi assassinado ontem (22), em sua propriedade, que fica na rodovia BR 262, no trevo de acesso a Taunay, distrito de Aquidauana, município a 135 quilômetros de Campo Grande. No mesmo dia, a polícia prendeu dois adolescentes de 15 e 16 anos, que prestavam serviço para a vítima e confessaram a culpa ao serem ouvidos pela promotora da Infância e Juventude de Aquidauana, hoje (23). Eles golpearam o homem no pescoço e no rosto, além de decepar suas mãos. 

De acordo com a Polícia, os menores disseram que o crime foi motivado por uma conversa que os jovens ouviram do empreiteiro, dizendo que não iria pagar pelos serviços prestados, já que o trabalho dos menores era “ruim”.

Os policiais foram acionados para atender a ocorrência do crime e no caminho até a propriedade encontraram um adolescente com uma mochila, caminhando a pé as margens da rodovia. Segundo a Polícia, dentro da mochila do adolescente de 16 anos, foi encontrado um líquido avermelhado similar a sangue em uma calça e uma camiseta dentre os pertences do menor. Em seguida, o adolescente confessou que na companhia do colega de 15 anos matou o homem para o qual prestavam serviço.

A vítima estava em uma rede com a face totalmente desfigurada, mãos decepadas e um corte no pescoço. Os adolescentes contaram a Polícia que na madrugada do dia 22, faziam uso de bebida alcoólica, quando o adolescente de 16 anos resolveu matar a vítima e convidou o outro menor para a prática do crime.

Assim, na posse de uma foice, ambos desferiram 11 golpes na face do homem e com uma faca deram um golpe na região do pescoço. Após o crime, furtaram o aparelho de telefone celular, além de R$ 35, as chaves e o veículo do proprietário.

Os adolescentes fugiram em direção a Taunay, mas o carro da vítima deu problema, então o adolescente de 15 anos seguiu para a casa de um tio que reside em uma propriedade rural próxima, enquanto o adolescente de 16 anos seguiu a pé sentido à Aquidauana. Após permanecer por algumtempo na casa de seu tio, o jovem de 15 anos voltou para o local do crime, local onde foi apreendido.

A Polícia apreendeu a foice e o veículo, mas o dinheiro, o celular e a faca não foram localizados. O rapaz de 16 anos disse que após golpear a vítima, jogou a faca próximo ao local do crime.

Os dois acusados foram encaminhados a unidade prisional da cidade de Anastácio. Eles são acusados de praticar ato infracional análogo a homicídio doloso qualificado e furto qualificado com abuso de confiança.

 

campograndenews

Enquete

Mural de Recados

Postar Recado