07/10/2017 às 18:27:00

Em SP, Battisti terá que se apresentar todo mês para provar que está no Brasil

Redação

Cesare Battisti já chegou a São Paulo após ser libertado por um habeas corpus que foi impetrado no Tribunal Regional da 3ª Região, que determinou a imediata liberação de Battisti. A decisão foi encaminhada à 1ª Vara Federal, plantonista nesta sexta (6).

Battisti chegou no início da tarde deste sábado (7) no estado paulista onde mora após ter sido solto ontem (sexta), segundo o Estadão. Na quarta-feira (4), o italiano foi preso pela PRF (Polícia Rodoviária Federal) por evasão de divisas e lavagem de dinheiro, quando tentava entrar na Bolívia.

De acordo com a decisão que concedeu o habeas corpus a Battisti, ele não poderá sair de São Paulo sem autorização judicial, além de ter que mensalmente assinar processo para provar que está no estado paulista.

Ainda de acordo com a decisão, Battisti deve acompanhar todos os atos do processo. A audiência de custódia que aconteceu na quinta-feira (5) foi presidida pelo juiz federal Odilon de Oliveira que ouviu Batisti por vídeo conferência. Durante depoimento, Cesare disse que mora atualmente em São Paulo e que trabalha normalmente, tendo renda de R$8 a R$ 10 mil, mensal.

Além de emprego e moradia fixa, o condenado paga pensão para um filho de 4 anos. Três advogados que representam o italiano, acompanharam o depoimento, sendo dois em Corumbá e Thiago Nascimento Lima em Campo Grande.

Cesare tentou justificar que foi flagrado no limite da fronteira, porque estaria indo ao centro comercial do país vizinho fazer compras na companhia de dois amigos. Ele pontuou que a quantia em dinheiro era grande, pois a compraria produtos para os três.

midiamax

Enquete

Mural de Recados

Postar Recado